Tópicos

  • Relações entre fotografia e arte. Projeção das imagens com comentários acerca dos principais fotógrafos e artistas nos períodos.
  • Surgimento da fotografia no século XIX e seu estatuto. As primeiras fotografias dos seus inventores, os fotógrafos da virada do século que buscaram sedimentar a fotografia como arte até as duas primeiras décadas do século XX onde a fotografia de vanguarda se afirma.
  • A fotografia moderna no mundo e no Brasil. Principais correntes .
  • A fotografia contemporânea no mundo e no Brasil. Artistas que se utilizaram da fotografia. Principais fotógrafos dos EUA, Europa(Escola de Düsseldorf), Canadá e Brasil.
  • Apresentação individual dos portfólios e projetos dos alunos. Estratégias para continuidade dos seus ensaios e/ou discussão de propostas de seus projetos e suas ideias.

 

O que trazer

10 a 15 fotografias ampliadas em tamanho médio ou num pen drive de algum ensaio fotográfico de autoria do aluno.

Infos

Workshop [14h]
15, 16 e 17 de abril
19h às 22h30 [sexta-feira]
10h às 18h [sábado]
9h às 13h30 [domingo]
2x R$ 315,00

Descrição

A ideia do WS é trazer ao aluno os clássicos da fotografia moderna e contemporânea como fonte inspiradora para seus projetos pessoais. Serão abordadas as diferenças básicas entre as linguagens moderna e contemporânea do ponto de vista teórico e estético sempre inseridas no contexto histórico.

Nas duas primeiras aulas (sexta e sábado) serão projetadas fotografias dos principais representantes da fotografia moderna e contemporânea, do mundo e do Brasil e serão comentadas.

No domingo faremos uma leitura dos portifólios e ensaios dos alunos. Não é obrigatório que os alunos tragam suas fotografias, mas, será uma oportunidade de edição e discussão dos projetos que podem estar em fase embrionária, desenvolvimento ou produto final.

O importante é discutirmos as ideias de cada aluno e aproveitar a inspiração dos clássicos da fotografia moderna e contemporânea para continuidade dos trabalhos.

©Robert Doisneau,  “Un Regard Oblique”, 1948    

Inscrição

Mônica Zarattini

Foi editora de fotografia do jornal O Estado de S. Paulo por 9 anos (2006/2015) onde trabalhou como repórter fotográfica por mais de 26 anos.

Participou de importantes reportagens nacionais e internacionais, entre elas, as Paraolimpíadas/Atlanta em 1994 e a Copa do Mundo/Paris em 1998.

Recebeu o III Prêmio Embratel de Fotografia e o XXIII Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos em 2001, entre outros prêmios.

É autora da série de retratos da exposição VIVA LA DIFERENCIA! do Museu da Ciencia de Barcelona (2007/ 2009). Há fotos suas publicadas em diversos livros e catálogos, entre eles, “As Donas da Bola”, publicado em julho de 2014 após a exposição no Centro Cultural São Paulo.

Integra o acervo de fotografia do Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM) e o acervo de fotografia do Museu do Futebol de São Paulo.

Hoje é doutoranda no programa de Estética e História da Arte na USP onde desenvolve pesquisa acerca da fotografia contemporânea brasileira. Mestre em Ciências da Comunicação pela ECA/USP, aprovada em 2013 com  pesquisa sobre a legenda fotográfica. É formada em História com licenciatura plena pela FFLCH/USP desde 1986.

Compartilhe isso: