Tópicos

Antes da fotografia.
O Surgimento:
Necessidades, usos e expectativas.
A Expansão da Fotografia (1839 – 1890)
Paisagens e Arquitetura
Temas e Eventos.
Novas tecnologias, novas visões (1890 – 1945)
De todos para todos, o tempo do amador.
Fotografia e Modernismo.
O Documento.
A fotografia no pós Guerra.
A fotografia direta e o estilo documental
A estrada, a literatura e o livro como suporte.
A rua é o palco.
Movimentos de descentralização: Japão, África e América Latina.
A fotografia dos artistas e a arte dos fotógrafos
A fotografia conceitual e os documentos de artistas
O diário, a literatura e o livro como suporte.
A desconstrução: a fotografia olha para dentro de si.

O que trazer

Infos

Envie o formulário de inscrição para ser avisado sobre próximas turmas

Curso [8 encontros]
3 x R$ 360,00

Descrição

O curso propõe um percurso histórico de estudo das transformações da linguagem fotográfica. Mais do que conhecer datas, fatos e personagens esse curso pretende discutir a evolução da fotografia como vocabulário e sua relação com contextos sociais e históricos mais amplos. Conhecer essa história não só nós permite compreender o percurso evolutivo de uma ferramenta ou técnica, como também iluminar parte da nossa relação com o mundo.

Inscrição

Felipe Russo

Nascido no ano de 1979 em São Paulo, Felipe Russo é biólogo e em 2014 concluiu o Master in Fine Arts na Universidade de Hartford (EUA), programa que tem como foco o Livro de Artista. Em seus trabalhos utiliza a fotografia, para estabelecer novas relações de vivência e compreensão do espaço habitado especialmente na cidade de São Paulo.  Possui obras em coleções públicas e privadas como a da Maison Européenne de La Photographie, em Paris.

O trabalho CENTRO, publicado em livro pelo autor em 2014 foi apontado pela revista TIME como um dos melhores fotolivros do ano. O trabalho participou de exposições em São Paulo, Milão, Buenos Aires, Belfast, Madrid e Mumbai e foi finalista do AIMIA | AGO Photography Prize 2014, do Cord-Source Prize 2014, do Prêmio Conrado Wessel de Arte 2015 e  do Guatephoto 2015. Seu último trabalho, “Garagem Automática” foi apresentado em uma individual na Casa da Imagem – Museu da Cidade de São Paulo em 2016 e atualmente integra a exposição “Antilogias, o fotográfico na Pinacoteca” na Pinacoteca do Estado de São Paulo.

Compartilhe isso: