Tópicos

* Panorama sobre ensaios de diversos fotógrafos;
* Conceitos e definições de ensaio; discussão sobre unidade temática, unidade formal e abordagem;
* Saída fotográfica pela Vila Madalena;
* Edição de imagens.

O que trazer

* Câmera fotográfica
* Computador

Infos

Workshop [12 horas]
6 e 7 de dezembro
10h às 17h [sábado e domingo]
R$ 540,00

Descrição

Workshop prático de ensaio fotográfico.

O conceito de megalópole deixou de permear apenas o campo das características urbanas e se aproxima cada vez mais dos núcleos das grandes cidades. A Vila Madalena se transformou em uma cidade dentro da cidade. O antigo bairro português que abrigou os exilados do CRUSP é hoje referência na cena cultural de São Paulo. Um bairro moderno e de grande fluxo migratório, onde cada vez mais escutamos os mais diferentes idiomas. Surgem novos hostels e novos rostos. Esse grande caldo cultural é o palco ideal para retratar um pouco dessa São Paulo que é cada vez mais internacional.

O objetivo do workshop é proporcionar a experiência de um percurso em um bairro icônico da cidade para exercitar a prática do ensaio fotográfico.

Como não poderia deixar de ser, o fruto do workshop será um projeto de fotolivro coletivo que inaugura o laboratório digital.  MCEI.

Foto: Iatã Cannabrava

Inscrição

Iatã Cannabrava

Fotógrafo, curador e agitador cultural, atualmente desenvolve trabalhos documentais com a paisagem urbana das cidades, especificamente das periferias das grandes metrópoles, no seu ensaio Uma Outra Cidade. Participou de mais de 40 exposições, foi ganhador dos prêmios P/B da Quadrienal de Fotografia de São Paulo em 1985; do concurso Marc Ferrez da Funarte em 1987; e de dois prêmios da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo em 1996 e 2006.

Tem dois livros publicados: Casas Paulistas (2000) e Uma Outra Cidade (2009). Suas fotografias integram as coleções Pirelli/Masp, Galeria Fotoptica, Joaquim Paiva e MAM/São Paulo, e estão publicadas em oito livros de autoria coletiva. Como agitador cultural, foi presidente da União dos Fotógrafos de São Paulo de 1989 a 1994; criou e dirige a empresa Estúdio Madalena, onde fez a curadoria e organizou mais de 30 exposições, ministrou mais de 80 workshops, além de projetos especiais, como Revele o Tietê que Você Vê, em 1991; Foto São Paulo, em 2001; Povos de São Paulo – Uma Centena de Olhares sobre a Cidade Antropofágica, em 2004; Expedição Cívica, Ecológica e Fotográfica De Olho nos Mananciais, em 2008; e o Encontro de Coletivos Fotográficos Ibero-americanos de São Paulo, em 2008.

Foi presidente da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil – RPCFB. Atualmente é coordenador do Festival Internacional de Fotografia de Paraty – Paraty em Foco, que este ano chega à sua décima edição, e coordenador do Fórum Latino- Americano de Fotografia de São Paulo, realizado trienalmente pelo Itaú Cultural.

Compartilhe isso: