Tópicos

* Apresentação do cenário atual da fotografia;
* Discussão dos aspectos conceituais e técnicos para desenvolvimento de projetos;
* A busca pela unidade formal e temática;
* Novos formatos expositivos e de divulgação;
* A fotografia como um vetor de difusão e comunicação social.

O que trazer

Infos

Workshop [15 horas]
Envie o formulário de inscrição para ser avisado sobre próximas turmas
17h às 22h

Descrição

O mundo contemporâneo exige que o artista estabeleça múltiplas vias em seu trabalho. A primeira, relacionada à sua arte, que cada vez mais se vincula a procedimentos multidisciplinares e à necessidade de trabalhar em equipe. Em segundo, surgindo em contramão, existe a necessidade de saber caminhar por meios burocráticos e administrativos. Estas questões cerceiam o desenvolvimento de um projeto pessoal e cultural, o primeiro passo na concretização de uma obra e sua exposição.

Destinado a fotógrafos e gestores culturais, este workshop é uma grande oportunidade de entender o panorama do cenário cultural da fotografia mundial. Claudi vai analisar as novas plataformas de ação para a fotografia enquanto vetor de comunicação social, além de abordar todos os aspectos do desenvolvimento de um projeto fotográfico, da concepção à edição final, com especial ênfase nos novos formatos expositivos contemporâneos.

Foto: Sara de Santis

Local e inscrição veja neste link  e abaixo 

Horarios de atención: Lunes- Jueves 10:00-21:00, viernes 1:00-19:00, sábados 10:00-19:00
Álvaro Obregón 185 piso 3 Col. Roma, México, D.F.
Tel: 5207 9404   info@gimnasiodearte.com

El mundo contemporáneo exige que el fotógrafo establezca múltiples vías en sus líneas de trabajo. Cada vez más, la producción fotográfica está vinculada a mayores procesos multidisciplinares , lo que hace imprescindible que el autor sepa trabajar en equipo. Pero el fotógrafo hoy también tiene que saber recorrer los caminos burocráticos y administrativos para conseguir hacer realidad su proyecto. Estas dos cuestiones tan antagónicas entre sí, marcan hoy en día el desarrollo de los procesos creativos y los pasos previos y decisivos a la materialización de una obra y su posterior exhibición. El workshop atenderá a estos dos líneas de trabajo tan distintas y a su vez convergentes para dar viabilidad a un proyecto contemporáneo de fotografía.

Destinado a fotógrafos y gestores culturales con intereses en artes visuales, este workshop es una  gran oportunidad para obtener una panorámica sobre el escenario cultural de la fotografía contemporánea. Claudi Carreras analizará las nuevas plataformas de acción que tiene hoy la fotografía como vector de comunicación social, así como todos los aspectos del desarrollo de un proyecto fotográfico, desde la concepción hasta la edición final, con especial énfasis en los nuevos formatos expositivos contemporáneos.

Inscrição

Claudi Carreras

Curador e editor independente, assim como pesquisador de fotografia formado em Belas Artes pela Universidade de Barcelona, doutorando em Arte e Cultura de Mídias. Em 2007 publicou o libro Conversas com fotógrafos Mexicanos pela editora Gustavo Gili, de Barcelona. É autor da série Autorretrato de América Latina, publicada em 2006 e 2007 na revista do jornal La Vanguardia, de Barcelona.

Carreras foi curador de diversas exposições: Cuba Mía, Front3era, Transnacionale(es) e Estaciones. Recentemente assinou a curadoria de Laberinto de miradas: um percurso pela fotografia documental em Ibero América, da Agência Espanhola de Cooperação Internacional e Desenvolvimento – AECID, e Casa América Catalunha, que viajou para 18 países latino-americanos e Espanha em 29 itinerâncias. Resiliência, exposição do Instituto Cervantes ganhadora do Prêmio do público El Mundo como melhor exposição da edição 2009 de PhotoEspaña, foi inaugurada em Madri, Chicago, Nova York, Nova Délhi, Roma, Istambul, Tetuán e Tange

Foi diretor do 1° Encontro de Coletivos Ibero-americanos realizado em São Paulo em 2008 e também é diretor do projeto E·CO do Ministério de Cultura de Espanha; projeto expositivo que gerou o primeiro Encontro de Coletivos Fotográficos de Europa e América Latina, que depois de itinerar por Espanha e Brasil em 2011, está viajando por várias cidades dos EUA, incluindo Washington, DC e Chicago.

Foi o curador da 8ª e 9ª  edição do Paraty em Foco – Festival Internacional de Fotografia (Rio de Janeiro). É assessor e curador do Fórum Ibero-americano de Fotografia de São Paulo, foi o curador para América Latina da edição da bienal Photoquai (Musée du Quai Branly, Paris), em 2013, e curador/ editor do projeto LatinUs Photo Latino USA desenvolvido para Spain USA Foundation em colaboração com a National Portrait U.S. e Smithsonian Latino.

Desde o começo de 2012 reside em Brasil coordenando e dirigindo novos projetos do Estúdio Madalena, São Paulo.

Compartilhe isso: